Covid-19: pandemia ainda deve piorar em 23 Estados e no DF, aponta Fiocruz

O número de pessoas internadas por casos suspeitos ou confirmados de covid-19 deve piorar em regiões de 23 Estados e do Distrito Federal, segundo dados divulgados por cientistas da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) nesta semana.

Há poucos dias, a própria Fiocruz classificou os atuais números de mortes e hospitais lotados como o “maior colapso sanitário e hospitalar da história do Brasil”.

A lotação crescente dos leitos brasileiros deve agravar ainda mais o número de óbitos pela doença. Maior cidade do país, São Paulo registrou nesta quinta-feira (18) a primeira morte por falta de leito de UTI. Além disso, pela natureza da covid-19, o aumento atual no número de casos só deve se refletir em aumento das mortes duas a três semanas depois.

A tendência é que esses números de internações por covid-19 cresçam em 14 capitais, como São Paulo, Belo Horizonte, Brasília, Curitiba, Rio de Janeiro e Maceió.

Apenas os Estados do Acre, Roraima e Paraná não têm atualmente regiões com tendência de alta. Mas essa situação pode mudar de uma semana para outra.

As projeções são feitas com base nos dados de 7 a 13 de março de 2021 e constam em levantamento semanal feito pela Fiocruz a partir de informações disponíveis no InfoGripe/Sistema de Informação da Vigilância Epidemiológica da Gripe, principal base de dados de monitoramento de hospitalizações por casos confirmados ou suspeitos de covid-19.

Desde o início da pandemia, mais de 1,5 milhão de pessoas foram internadas ou morreram no Brasil com problemas respiratórios, segundo dados do Infogripe. Em comparação, durante a pandemia de H1N1 no ano de 2009, foram internadas 202 mil pessoas.

Os dados regionais de cada Estado dão, obviamente, uma perspectiva mais precisa do que esperar para os próximos dias com base no que vem ocorrendo nas últimas semanas. Mas é importante registrar que a Fiocruz trata de tendências estatísticas, que podem se confirmar ou não ao longo do tempo. Por isso, os cálculos também levam em conta a probabilidade de isso se confirmar.

Exemplos: o dado geral da Bahia aponta uma estabilização das internações por covid-19. Mas os dados mais detalhados indicam que há mais de 95% de chance de a região do Extremo-Oeste da Bahia ter alta nas próximas semanas, e mais de 75% de chance de haver alta na região do Sul do Estado.

O mapa abaixo produzido pela Fiocruz aponta em marrom onde há chance de alta, em branco onde parece haver estabilização e em verde onde a pandemia dá sinais de queda. O infográfico usa dados das últimas seis semanas.

Mapa aponta as probabilidades de alta, estabilização ou queda da pandemia no Brasil

CRÉDITO,REPRODUÇÃO/FIOCRUZ

Legenda da foto,

Mapa aponta as probabilidades de alta, estabilização ou queda da pandemia no Brasil

Brasil deve passar de 400 mil mortes em maio

Especialistas consideram que o Brasil passa pelo pior momento da pandemia. Nos últimos dias, o país vem registrando seguidos recordes de mortes diárias.

A média atual é de 2.107 óbitos por covid-19, e é a primeira vez desde o início da pandemia que o país ultrapassa essa média de 2.000 mortes. Em 16/3, foram registradas 2.841 mortes em 24 horas.

Segundo dados da plataforma Our World in Data, da Universidade Oxford (Reino Unido), a média de mortes dos últimos sete dias vem acelerando no Brasil desde 21 de fevereiro, quando atingiu 4,88 óbitos por 1 milhão de pessoas. Em 18 de março, a taxa foi de 9,49 óbitos por 1 milhão de pessoas, mais que o dobro.

Na semana passada, por exemplo, o Brasil teve mais mortes em um período de 24h do que todo o continente asiático, cuja população é mais de 20 vezes superior à brasileira.

Até agora, o Brasil registrou oficialmente 11,7 milhões de casos e 285 mil mortes em decorrência da doença.

País vive o maior colapso sanitário e hospitalar de sua história, aponta a Fiocruz

CRÉDITO,DIEGO VARA/REUTERS

Legenda da foto,

País vive o maior colapso sanitário e hospitalar de sua história, aponta a Fiocruz

Especialistas tentam projetar, com base nos dados disponíveis atualmente, quais são os possíveis cenários para as próximas semanas no Brasil. Esses cálculos levam em conta o cenário de hoje, e qualquer mudança, como a adoção de um lockdown ou o avanço acelerado da vacinação, pode tornar as previsões mais distantes da realidade do que já são.

O laboratório nacional de Los Alamos, nos Estados Unidos, por exemplo, calcula projeções para todos os países. Segundo o modelo matemático da instituição, os dados atuais apontam que o Brasil se aproxima no futuro do que se chama de pior cenário (“worst-case scenario”), com o país atingindo a marca de 442 mil mortes até o 25 de maio. No melhor cenário projetado, com um avanço 4 vezes mais lento, seriam 347 mil mortes até essa data.

Pesquisadores brasileiros, principalmente ligados à Universidade de São Paulo (USP), fazem projeções para um horizonte menor, porque é enorme o grau de incerteza envolvido em análises de longo prazo.

Segundo eles, o Brasil deve totalizar 310 mil mortes em 27 de março.


BBC

Outras Notícias

Número de delegados concorrendo nas eleições da Bahia triplica em relação a 2018

Pelo menos 21 integrantes da Polícia Civil da Bahia (PC-BA) receberam licença para concorrer a mandato eletivo nas el...

PSB pede para STF autorizar vacinação compulsória contra varíola dos macacos

O PSB protocolou uma ADPF (Arguição de Descumprimento de Preceito Fundamental) com pedido de liminar para obrigar o g...

Veracel apoia Diálogo do Uso do Solo na Bahia

Etapa de campo foi realizada no sul da Bahia e discutiu soluções, estratégias, prioridades e recomendações para o uso...

IBGE: Preços dos combustíveis caem 14% em julho; gasolina e etanol recuam mais de 10%

O preço dos combustíveis recuaram 14,1% no mês de julho, de acordo com levantamento do Instituto Brasileiro de Geogra...

Cientistas chineses identificam novo vírus em humanos: 'Langya henipavirus'

Cientistas chineses publicaram, na revista científica The New England Journal of Medicine, um alerta sobre a identifi...

PREFEITURA SINALIZA BR 367, NO PERÍMETRO URBANO

💡A Prefeitura de Porto Seguro está revitalizando a sinalização viária de toda a BR-367, no perímetro urbano, ...

Novo edital do Partiu Estágio oferece 47 vagas para o município de Porto Seguro

Inscrições para estudantes universitários permanecerão abertas até o dia 2 de setembroA Secretaria da Administração (...

Saúde aponta que dengue matou 752 brasileiros neste ano

A dengue matou 752 pessoas no Brasil, segundo o Ministério da Saúde. Ainda conforme os dados, o número corresponde a ...

Mulher que não sabia que estava grávida dá à luz sozinha em casa

Uma mulher que não sabia que estava grávida deu à luz sozinha em sua casa, na madrugada de terça-feira (2), no Bairro...

4º Festival Gastronômico Esquina do Mundo é lançado em Arraial d’Ajuda

Com inscrições abertas, donos de estabelecimentos se preparam para oferecer nova experiência gastronômicaPromovendo o...

FACULDADE DE MEDICINA: campus é inaugurado em Porto Seguro

O Curso de Medicina de Porto Seguro foi oficializado em cerimônia de inauguração na noite desta sexta-feira, 29.Duran...

Com maioria feminina na chapa, Roma garante combater violência às mulheres

O pré-candidato a governador da Bahia, ex-ministro da Cidadania e deputado federal, João Roma (PL), garantiu que, se ...

*Soma Urbanismo lança primeiro loteamento em Porto Seguro

_Primeiro loteamento da Soma Urbanismo fora do ES, o empreendimento está localizado no Mundaí, tem portaria 24h, um c...

Veracel é uma das Melhores Empresas para Trabalhar na Bahia no ranking GPTW mais uma vez

 Esta é a terceira vez consecutiva em que a empresa se destaca em seu estado, dentro do levantamento da consulto...

Nas Unidades Básicas de Saúde tem vacinação infantil para os pequenos na faixa etária de 3 e 4 anos contra a Covid-19.

A aplicação dos imunizantes está acontecendo em todas as UBS’s de segunda a sexta-feira.Os Pais ou responsáveis devem...

Bahia cria 13.079 novos postos de trabalho em junho

A Bahia gerou 13.079 postos com carteira assinada, em junho deste ano, conforme o Cadastro Geral de Empregados e Dese...

Ministério Saúde cria comitê de emergência para varíola dos macacos

O Ministério da Saúde anunciou nesta quinta-feira (28) a criação de um COE (Centro de Operação de Emergências) voltad...

*Festa de São Cristóvão reúne fiéis e motoristas em grande festa*

Nesta segunda feira, dia 25, Arraial d’Ajuda celebrou a 28ª edição da Festa de São Cristóvão, com um evento promovido...

Cippa recebe novo comandante em Porto Seguro

A passagem de comando da Companhia de Polícia de Proteção Ambiental de Porto Seguro (CIPPA) aconteceu nesta terça-fei...

Estresse pode acelerar perda de colágeno e causar envelhecimento precoce da pele

O estresse, quando manifestado de forma crônica ou exacerbada, oferece riscos à saúde e pode causar o envelhecimento ...