Mercado Imobiliário projeta crescimento de 10% em 2021



A empresa baiana JVF planeja lançar novos empreendimentos, um deles ainda neste semestre

 

O ano de 2021 não começou como o esperado no Brasil, visto que ainda não existe uma perspectiva concreta em relação à pandemia de Covid-19 e à recuperação econômica do país. Neste cenário, pode-se contar, porém, com uma boa notícia: os setores de construção civil e imobiliário têm previsão de que o ano seja muito positivo. Para o consumidor, a possibilidade de comprar um imóvel se torna mais viável, seja para investir e ter mais segurança, seja para realizar o sonho da casa própria. Para a população, sendo a construção um dos setores que mais gera empregos e renda, fica a possibilidade de um cenário econômico mais favorável com o bom desempenho desse segmento. 

O presidente da Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC), José Carlos Martins, já apontou que a projeção para esse ano para o setor de construção é um crescimento em torno de 4%, sendo que especificamente no mercado imobiliário, essa projeção é de um incremento na faixa de 10%. 

Segundo dados dos Indicadores Imobiliários Nacionais da CBIC, na região Nordeste, houve um aumento de 49,7% de unidades vendidas na comparação do 3º trimestre de 2020 com o mesmo período de 2019. A pesquisa mostrou ainda que 46% dos entrevistados têm a intenção de comprar um imóvel nos próximos dois anos.

 

A JVF Empreendimentos é um exemplo de uma empresa baiana que aposta no crescimento. A diretora Juliana Oliveira afirma que o ano de 2021 começou muito bem, em grande parte pelo bom desempenho do último trimestre de 2020. 

 

“O mercado, que historicamente tem uma flutuação negativa no período de festas, diante da pandemia, se viu em franca retomada. Vendemos mais no último trimestre do ano passado que na soma de todos os anos anteriores no mesmo período”, revela. 

 

Confiança e otimismo

 

Juliana aponta que, apesar do cenário econômico ainda incerto, 2021 deve ser bom para o setor de construção e imóveis, e que a JVF está muito confiante e otimista. Alguns fatores indicam que há razões para essa boa perspectiva

 

“O mercado cresceu muito, a oferta de crédito se manteve e as incorporadoras estão tirando da gaveta todos os projetos que ficaram em stand by por conta da pandemia. Por isso, 2021 se aventa como um bom ano para o segmento”, salienta.

 

Na análise da conjuntura, a queda da taxa de juros, que atingiu seu menor percentual em 2020, é um fator que beneficia quem busca financiamento, e essa modalidade de compra representa um montante muito alto das negociações imobiliárias no Brasil. Isso tem aquecido o mercado, pois, com juros menores, o comprador pagará menos pelo valor total do financiamento. 

Além disso, os bancos privados entraram fortemente no mercado com ofertas de financiamentos imobiliários atrativos. Os bancos públicos, em especial a Caixa Econômica, sempre tiveram as melhores condições, mas com juros reduzidos, as ofertas de outras instituições bancárias foram ampliadas e isso também dá mais opções ao consumidor. 

O desejo de morar bem 

A necessidade de isolamento social, que neste momento se faz novamente presente, também despertou no brasileiro, mais do que nunca, o desejo de se sentir bem em sua casa. 

 

Sem sombra de dúvidas, com o confinamento, as pessoas sentiram ainda mais as dores que já tinham sobre seus lares, e esse aumento no desconforto, diminuiu a jornada de compra. As pessoas precisam morar melhor, terem espaços bem divididos, já que o home office é uma realidade e até o homescholling. E isso pode permanecer para além da pandemia, pois ela acelerou uma tendência”, analisa Juliana. 

 

Lançamentos e planos

 

Diante deste cenário, a JVF pretende dar andamento em 2021 às suas projeções de expansão. A construtora já está desenhando um novo projeto, que deve ser lançado em abril. Mantendo-se um cenário positivo para o mercado imobiliário, a empresa irá lançar mais um empreendimento no segundo semestre do ano. A atenção para pontos que podem impactar o mercado, porém, é redobrada.

 

“Existem fatores que merecem atenção. No passado, a Covid-19, o fechamento de atividades não essenciais e a instabilidade da moeda foram fatores que tiveram impacto e ainda podem ter neste ano. Tivemos ainda um desabastecimento de fornecedores, problemas na redução da escala de trabalho e clientes que, no primeiro momento, recuaram da decisão da compra por medo do desemprego”, conta a diretora da JVF. 

 

Construção e empregos

Dados do novo Caged, do Ministério da Economia, apontam que a Construção Civil, em 2020, foi um dos setores que mais gerou novas vagas com carteira assinada no País. No total, foram contabilizados 112.174 novos postos de trabalho formais no setor, resultado da diferença entre 1.570.835 admissões e 1.458.661 demissões.

Os três grandes segmentos do setor apresentaram números positivos. A construção de edifícios foi responsável por 27.248 novos empregos, enquanto obras de infraestrutura geraram 47.357 novas vagas e serviços especializados para a construção criam 37.569 empregos.

Outras Notícias

DayHORC participa de mutirão que oferece exames oftalmológicos gratuitos em Porto Seguro (BA)

No dia 28 de maio, moradores de Porto Seguro (BA), com mais de 35 anos de idade, vão poder participar da primeira edi...

Veracel inicia construção do primeiro Centro de Reabilitação de Quelônios da região Sul da Bahia

O Centro complementará o trabalho do Programa de Monitoramento de Quelônios do Terminal Marítimo de Belmonte e terá c...

Confirmado: São João de Porto Seguro trará grandes nomes do cenário nacional

Tudo que o povo queria, uma festa para todos os gostos, agradando desde público jovem às famílias, que irão aproveita...

2º Festival Gastronômico Raízes de Porto Seguro se encerra com recorde de participação e faturamento

Resultados foram apresentados em Cerimônia Oficial de Encerramento, com a presença do Chef Guga RochaOs números divul...

Campanha Porto Seguro Para o Mundo realiza aero show com a Azul Viagens para 250 agentes de viagens

Foi dada a largada da segunda etapa da maior campanha de promoção e divulgação do destino Porto Seguro (BA), a Porto ...

Trânsito de veículos flui bem na Ponte do Rio dos Frades

Após a liberação do tráfego de veículos na Ponte do Rio dos Frades, que dá acesso aos distritos de Caraíva, Itaporang...

Professores da Rede Municipal terão curso gratuito de pós-graduação

 A Prefeitura de Porto Seguro, por meio da Secretaria Municipal de Educação, acaba de celebrar um convênio com a...

*CANIL SETORIAL DO 8° BATALHÃO LOCALIZA PESSOA QUE ESTAVA DESAPARECIDA, EM PORTO SEGURO-BA.*

Por volta das 17h do dia 06 de maio, o Canil Setorial do 8º BPM foi solicitado para ajudar nas buscas de um cidadão, ...

Maior comercializadora do mundo contrata em Porto Seguro

. A WAM Comercialização, maior comercializadora de multipropriedades do mundo, busca por pessoas com força de vo...

Pesquisador brasileiro flagra botos brincando com anaconda na Bolívia

O pesquisador da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), Omar Machado Entiauspe Neto, de 24 anos, estava a...

Religião: Bem aventurado o homem que não anda segundo o conselho dos ímpios

"Bem-aventurado o homem que não anda segundo o conselho dos ímpios, nem se detém no caminho dos pecadores, nem se ass...

Ballet Dionée Alencar reconta trajetória de Ana Botafogo

A ideia do espetáculo - que leva o mesmo nome do livro escrito pelo pai de Ana Botafogo, Ernani Ernesto Fonseca – sur...

Com 121 anos e “descoberta por acaso”, mulher mais velha do mundo é brasileira

Quando o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi acionado para socorrer uma idosa em ...

Homem mata noiva com água fervente enquanto ela dormia

O homem jogou água fervente no ouvido da companheira; ele cometeu suicídioUma mulher de 29 anos foi morta pelo própri...

CVC lança descontos de até 50% em pacotes nacionais e inter

 A CVC completa 50 anos em maio (/mercado/operadoras/2022/05/cvc-faz-50-anos-e-foca-na-transformacaodigital_1890...

Vacinas contra Covid-19 poderão ser adquiridas em clínicas privadas a partir de maio

Clínicas e empresas privadas poderão adquirir vacinas contra a Covid-19  sem a necessidade de doação ao SUS (Sis...

Média móvel de óbitos por Covid-19 aumenta 31% em uma semana

O Brasil registrou 185 óbitos e 14.122 casos de Covid-19 nesta sexta-feira (29), de acordo com dados atualizados pelo...

*HOMEM ATIRA CONTRA GUARNIÇÃO DA PM E MORRE APÓS CONFRONTO. ARMAS E DROGAS SÃO APREENDIDAS DURANTE A DILIGÊNCIA*

Na manhã de hoje (29/04), Policiais Militares do 8° Batalhão realizavam patrulhamento ostensivo pelo bairro Casas Nov...

Nova subvariante do coronavírus é identificada em São Paulo

A identificação de uma nova subvariante do Sars-CoV-2, vírus que causa a Covid, foi confirmada nesta quarta-feira (27...

Câmara aprova volta do despacho gratuito de bagagem em voos

A Câmara aprovou nesta terça-feira, 26, uma Medida Provisória (MP) que flexibiliza regras do setor aéreo e permite a ...